BUSCAR
BUSCAR
Hospital de campanha
Prefeitura de Natal e TRT-RN assinam termo de cessão do hotel Parque da Costeira
Após o encerramento do estado de emergência, a prefeitura terá 60 dias para devolver o patrimônio para que o TRT disponibilize o prédio, em leilão, para pagamento de dívidas trabalhistas
Redação
06/04/2020 | 16:20

A Prefeitura de Natal e o Tribunal Regional do Trabalho assinaram, nesta segunda-feira (6), o termo de cessão do antigo Hotel Parque da Costeira. O local está sendo adaptado para a implantação de hospital de campanha do município. A expectativa é que, na próxima segunda-feira (13), os atendimentos já possam ser realizados no local. Foram investidos, até o momento, cerca de R$ 8 milhões.

A cessão do local tem efeito até o fim do estado de emergência decretado pelo governo federal. Após o encerramento desse prazo, a prefeitura terá 60 dias para devolver o patrimônio para que o TRT disponibilize, em leilão, o prédio para pagamento de dívidas trabalhistas do antigo hotel.

O prefeito Álvaro Dias comemorou a assinatura do termo, principalmente porque tem observado uma união dos poderes e da sociedade para a missão, em comum, que é derrotar o coronavírus. “Agradeço a sensibilidade do Desembargador Bento Herculano, do juiz Cássio Oliveira Manoel, dos profissionais de saúde, da imprensa, da sociedade civil organizada e de parceiros como a Fecomércio, o Sinduscon, CDL e UFRN. Todos estão colaborando para que possamos, juntos, vencer esse que é o maior desafio dessa gestão”, explicou Álvaro Dias.

O prefeito revelou que todas as providências estão sendo tomadas em tempo recorde pela administração. “A gente está montando esse hospital em tempo recorde, inclusive rivalizando, em termos de velocidade, com o hospital que foi montado na China”, comentou.

O secretário de Saúde do município, George Antunes, explicou que a primeira fase do Hospital funcionará com 100 vagas, distribuídas em 50 quartos equipados para receber os doentes com Covid-19. Ele também antecipou que outras medidas estão sendo tomadas para estruturar Natal para o combate ao vírus. “Teremos cerca de 300 pessoas contratadas temporariamente. entre médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, intensivistas e pessoal de apoio”, antecipou.

O juiz Cássio Oliveira Manoel, que na cerimônia substituiu o desembargador Bento Herculano, presidente do TRT/RN, disse que o órgão federal está realizando um trabalho social importante ao firmar essa parceria. “Estamos voltados para o bem estar social das pessoas. Acredito que foi muito importante esse acordo para a cidade”, comentou.

Durante o evento, a Secretaria de Saúde recebeu a doação de 2 mil máscaras de proteção, criadas e produzidas pelo RN Solidário contra o Covid. O empresário Hermínio Brito fez a entrega e explicou todo o processo artesanal para produção, local, do Equipamento de Proteção Individual – EPI.

NOTÍCIAS RELACIONADAS
Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - redacao@agorarn.com.br
Comercial: (84) 98117-1718 - publica@agorarn.com.br
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.