BUSCAR
BUSCAR
Educação
IFRN suspende ato de Bolsonaro e determina nomeação do reitor eleito
Decisão da 4ª Vara Federal do RN foi publicada nesta sexta-feira (1º)

01/05/2020 | 16:26

O Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN) suspendeu a nomeação determinada pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, e determina nomeação do reitor eleito pela comunidade acadêmica, José Arnóbio de Araújo Filho. A decisão da 4ª Vara Federal do RN foi publicada nesta sexta-feira (1º) e consta que não há inelegibilidade no reitor eleito.

No dia 17 de abril, o Ministério da Educação (MEC) nomeou o servidor público federal Josué de Oliveira Moreira como reitor pro tempore do IFRN. A portaria foi públicada no Diário Oficial da União e assinada pelo ministro Abraham Weintraub.

O reitor nomeado pelo MEC não participou das eleições para o cargo. Elas ocorreram em dezembro do ano passado, entre o professor José Arnóbio de Araújo Filho, Wyllys Abel Farkatt Tabosa, José Ribeiro de Souza Filho e Ambrósio Silva de Araújo. O professor José Arnóbio ficou com a maioria dos votos (48,25%).

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.