BUSCAR
BUSCAR
Coronavírus
Governo do RN disponibiliza novas UTIs em Mossoró
Hospital Regional Tarcísio Maia colocou em funcionamento nesta terça (7) 10 novos leitos de UTIs dos 20 que serão abertos nos próximos dias
Redação
07/04/2020 | 19:57

O Hospital Regional Tarcísio Maia (HRTM), em Mossoró, colocou em funcionamento nesta terça-feira (7) 10 novos leitos de UTIs (Unidades de Terapia Intensiva) dos 20 que serão abertos nos próximos dias para o atendimento a pessoas com sintomas relacionados à Covid-19.

A governadora Fátima Bezerra afirmou que o governo do estado está trabalhando intensamente para evitar o pior nesta grave crise de saúde pública, superando dificuldades, adquirindo e restaurando equipamentos, contratando pessoal, resolvendo entraves, no sentido de realizar o melhor atendimento à população.

“Contamos com o apoio dos demais Poderes do Estado, Legislativo e Judiciário, e também do Ministério Público e de instituições e empresas do setor privado. Queremos continuar também contando com o apoio do nosso povo”, declarou a chefe de Executivo Estadual. Ela reforçou a importância do isolamento social e recomendou à população para sair de casa apenas nas necessidades realmente essenciais. “Fazendo assim, e somando esforços, certamente vamos vencer a crise do novo coronavírus e retornar à normalidade”.

A assessora técnica da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), Milena Martins, explicou que em breve serão finalizados os serviços de instalação de móveis e de limpeza. “E como já temos pessoal, deveremos disponibilizar os outros 10 leitos de imediato”, afirmou. A ala inaugurada, que foi construída na gestão passada, na época não obteve equipamentos necessários ao funcionamento, o que veio acontecer somente agora, neste momento necessário de ampliação de leitos.

A assistente social e diretora geral do HRTM, Herbênia Ferreira da Silva, explicou que os novos leitos de UTI vêm somar com as nove já existentes, que continuarão usadas por pacientes de média e alta complexidade, das mais diversas patologias. “Aqui vamos tratar apenas pacientes da Covid-19. Estamos muito confiantes que tenhamos conseguido colocar em operação estes novos leitos, em meio a essa grande crise”, enfatizou.

O ato simbólico de inauguração contou ainda com a presença de diretor administrativo, Valmir Alves; do diretor médico, Liginey Silva; diretora técnica, Lana Lacerda; e da diretora da II Ursap, Emiliana Cavalcante, além de outros membros da equipe que acolheram o primeiro paciente da UTI.

Ainda em Mossoró, o Governo do RN articula a utilização do Hospital Rafael Fernandes, que está recebendo a instalação de tomadas elétricas para os equipamentos específicos do tratamento da Covid 19, para ser utilizando durante a pandemia. “Serão mais 10 leitos para cuidados semi-intensivos. Falta fechar o quadro de pessoal técnico e de enfermagem. A previsão é de que possamos iniciar os atendimentos na próxima semana”, acrescentou a assessora técnica Milena.

Além disso, a Sesap contratou junto à Casa de Saúde Dix-sept Rosado 10 leitos de UTI e 12 leitos de enfermaria. Estes leitos estão sendo adaptados e deverão estar disponíveis nos próximos dias. Também está em articulação, na segunda maior cidade do RN, a disponibilização de 25 leitos de enfermaria e quatro para cuidados semi-intensivos, no Hospital da Polícia Militar. “Tudo está sendo feito para darmos suporte ao atendimento de saúde público em Mossoró”, reforçou.

Em Natal, a administração estadual finaliza os entendimentos para ofertar 10 UTI’s adulto e 30 leitos de enfermaria no Hospital Coronel Pedro Germano, da Polícia Militar, no bairro do Tirol, com a contratação de empresa para instalar os equipamentos médicos.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - redacao@agorarn.com.br
Comercial: (84) 98117-1718 - publica@agorarn.com.br
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.