BUSCAR
BUSCAR
Online
CMN aprova Projeto de Lei que visa obrigatoriedade da realização de visitas virtuais para pacientes internados
De autoria do vereador Raniere Barbosa, projeto trará mais humanização durante o tratamento de doenças que exigem isolamento social
Redação
10/06/2020 | 14:31

Pacientes internados no município de Natal, decorrente do novo coronavírus ou qualquer outra doença que exija isolamento, poderão amenizar a saudade nestes dias realizando chamadas de vídeo com familiares e amigos. O Projeto de Lei, de autoria do vereador Raniere Barbosa (Avante), que propõe a criação da vista on-line para pacientes internados em condições que seja essencial a restrição de visitas, foi aprovado na tarde desta terça-feira (9), na Câmara Municipal de Natal (CMN).

A medida é reconhecida entre os profissionais do segmento como uma das ferramentas compensatórias eficazes, de modo terapêutico, para realização de um tratamento mais humanizado. Quando sancionada ou promulgada, as instituições de saúde, públicas e privadas, no âmbito do Município de Natal, deverão adotar meios para comunicação dos pacientes com seus familiares através de videochamada ou sistema correlato, para suprir a necessidade do paciente em se comunicar com seus parentes e familiares durante seu isolamento.

Segundo o Projeto de Lei, para celeridade e viabilidade, as instituições de saúde públicas e privadas poderão utilizar os aparelhos telefônicos ou equipamentos correlato do paciente, ou cedidos por parentes e familiares para a realização da visita on-line. Ainda de acordo com o PL, a realização da videochamada deve ser previamente agendada junto ao setor ou órgão responsável da instituição pública ou privada, na qual encontra-se internado o paciente. O tempo de duração da visita on-line (chamada de vídeo) não será inferior a 20 (vinte) minutos ininterruptos.

“Sabemos que todas as medidas de segurança nas políticas de visitas à pacientes internados, diagnosticados com o novo coronavírus ou qualquer outra doença infectocontagiosa, que são bastante restritivas, o que é fundamental. Mas também temos o conhecimento de que esse distanciamento provoca, na maioria, bastante angústia tanto em quem está doente, quanto em seus respectivos familiares”, destacou Raniere Barbosa.

Segundo o parlamentar, a medida será realizada visando também a proteção dos profissionais de saúde, pois respeitará todos os protocolos sanitários e de segurança. Além disso, ele ressaltou que a ideia apontada neste projeto já está sendo implementada em diversos hospitais do Brasil, bem como nesta capital.

“É um exemplo de sucesso, onde o paciente tem a oportunidade de manter o contato com seus familiares. A experiência é devidamente comprovada em estudos por aumentar a imunidade emocional, colaborar com a saúde dos pacientes em isolamento, então, ficamos muito felizes com a aprovação deste projeto”, concluiu o vereador Raniere Barbosa.

Av. Hermes da Fonseca, N° 384 - Petrópolis, Natal/RN - CEP: 59020-000
Redação: (84) 3027-1690
[email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.