BUSCAR
BUSCAR
Arboviroses
Casos de dengue, zika e chikungunya caem 32,45% em Natal
Na 15ª semana de 2020, houve uma queda no número de casos comparado ao mesmo período do ano de 2019
Redação
17/04/2020 | 13:12

A Secretaria Municipal de Saúde de Natal, por meio do Departamento de Vigilância em Saúde, divulga a situação entomoepidemiológica das arboviroses no município de Natal.

Conforme observado na série histórica de 2003 a 2020, em apenas sete anos não tivemos epidemia. Atualmente, foram notificados como prováveis 1.631 casos para arboviroses, sendo 296 casos para Chikungunya, 1.315 casos para Dengue e 20 casos para Zika. Observado o comportamento dessas arboviroses entre os casos notificados como prováveis, nota-se que na 15ª semana de 2020 houve uma queda de 32,45% no número de casos comparado ao mesmo período do ano de 2019.

“Essa foi uma situação atípica, talvez devido ao isolamento social as pessoas não estejam procurando as unidades de saúde. Vamos ver como se comportam os casos nos meses seguintes”, comenta Alessandre Medeiros , diretor do Centro de Zoonoses de Natal.

De acordo com dados do Boletim nº 15º, o Distrito Sanitário Norte I foram notificados 99 casos de Chikungunya, 189 casos de Dengue e 9 casos notificados de Zika. O Distrito Norte II, foram notificados 62 casos de Chikungunya, 15 de Dengue e 4 casos de Zika. O Distrito Sul com 39 casos notificados de Chikungunya, 426 casos de Dengue e 4 de Zika. O Distrito oeste foram notificados 43 casos de Chikungunya, 380 casos de Dengue e 2 caso de Zika. Já o Distrito leste foram notificados 53 casos de Chikungunya, 158 casos de Dengue e 1 casos de Zika.

Destaca-se que os bairros com maior número de Chikungunya, foram Lagoa Azul com 46 casos e Pajuçara com 43. Para Dengue foi o bairro do Planalto com 160 casos notificados e Felipe Camarão com 141 casos. Já para Zika foram os bairros de Lagoa Azul 5 e Pajuçara 4.

A SMS solicita para a população manter os cuidados para evitar a proliferação das arboviroses, tendo os cuidados como, limpar o quintal, jogando fora o que não é utilizado; tirar água dos pratos de plantas; colocar garrafas vazias de cabeça para baixo;tampar tonéis, depósito s de água, caixas d’água e qualquer tipo de recipiente que possa reservar água;entre outros cuidados.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - redacao@agorarn.com.br
Comercial: (84) 98117-1718 - publica@agorarn.com.br
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.