BUSCAR
BUSCAR
Coronavírus
A nova ameaça mundial chega ao Brasil
Paciente com Covid-19 chegou ao país vindo da Itália. Veja o que se sabe mais sobre a nova doença que vem assuntando todo o mundo
Redação
02/03/2020 | 04:30

O Ministério da Saúde confirmou na última quarta-feira (26) o primeiro caso positivo de coronavírus no Brasil e em toda a América Latina. O paciente com Covid-19 – nome oficial da doença – chegou ao país vindo da Itália.

O surgimento da doença gerou preocupação dos brasileiros com o que deve ser feito impedir a transmissão do novo coronavírus. Médicos infectologistas apontam que a prevenção deve ser feita, principalmente, pela higienização das mãos e de superfícies que possam estar contaminadas.

Veja o que se sabe mais sobre a nova doença que vem assuntando todo o mundo.

O que é o coronavírus?

Nomeado a partir de sua forma circular, o Covid-19 (coronavírus) é uma ampla família de vírus à qual pertencem as cepas que causaram, por exemplo, a Sars e a Mers. Já se sabe que a pneumonia misteriosa é causada por uma nova cepa que os cientistas ainda não conheciam, identificado como 2019-nCoV.

Como acontece a transmissão?

O coronavírus, em geral, é transmitido pelo ar, por meio de grandes gotículas expelidas na respiração, ou por contato direto ou indireto com secreções. Como o 2019-nCoV foi descoberto recentemente, é impossível detalhar sua rota de transmissão.

Mudança de hábitos

O Ministério da Saúde recomenda algumas mudanças de hábito da população. Ao espirrar é recomendável colocar o antebraço ou um lenço na frente do nariz e boca. Além disso, é preciso entender que ir ao trabalho com sintomas de gripe implica expor potencialmente outras pessoas à doença. A higienização das mãos pode ser feita com água e sabão ou álcool gel, mas nunca apenas com água.

Além das mãos, também é recomendável limpar com desinfetantes superfícies que possam estar infectadas e se manter a uma distância mínima de um metro de pessoas que estejam espirrando ou tossindo.

Sintomas

Febre
Tosse
Falta de ar
Dificuldade para respirar
Problemas gástricos
Diarreia

Casos graves

Pneumonia
Síndrome Respiratório Agudo Severo
Insuficiência renal
Morte

Tratamento

Não existe medicamento nem vacina especifica

Cuidados

Lavar regularmente as mãos com água e sabão. Evitar tocar os olhos e a boca com as mãos sujas.
Cobrir a boca e o nariz em caso de tosse ou espirros. Utilizar uma máscara sempre que for necessário.
Evitar contatos desnecessários e sem proteção com os animais ou objetos contaminados.
Em caso da doença manter-se em repouso em lugar bem ventilado, beber muita água e medicar-se contra a febre, conforme orientação médica.
Evitar o contato com os enfermos. Em caso de viagem, seguir as regras e os procedimentos sanitários.
Limpar e desinfetar os objetos e o chão com frequência para evitar a criação de ambientes favoráveis a proliferação de vírus e bactérias.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.