BUSCAR
BUSCAR
Atrasados
Vasco paga salários de novembro para jogadores e funcionários
Clube carioca quitou a folha do mês de novembro, mas ainda não regularizou a situação com relação a dezembro e ao 13º do ano de 2019
Redação
30/01/2020 | 01:00

O Vasco amenizou a situação financeira dos jogadores e funcionários ao quitar os salários de novembro. O elenco, contudo, segue em atraso quanto aos pagamentos referentes a dezembro e ao 13º do ano de 2019.

No caso dos atletas, o pagamento foi total em relação a novembro. Já para os funcionários, foi parcial. Foram quitados os salários para quem recebe até o valor de R$ 1.800. Quanto ao salário de outubro, receberam aqueles que ganham acima de R$ 3 mil.

Desta forma, os jogadores ainda têm a receber o salário de dezembro, o 13º e o valor referente às férias e direitos de imagem. No caso dos funcionários, a dívida é do salário de novembro, para quem recebe acima de R$ 1.800, além de dezembro e férias.

O pagamento destes valores foi possível graças ao acerto da renovação do contrato de patrocínio com o banco BMG. O acordo foi estendido até 2023. Com a negociação bem sucedida, o patrocinador antecipou o pagamento de R$ 5 milhões, utilizado para quitar parte da dívida do clube com salários de jogadores e funcionários.

Pelo novo acerto com o BMG, o Vasco deve embolsar cerca de R$ 18 milhões até o ano de 2023. Mas esta soma pode aumentar porque a negociação envolve cláusulas de elevação no pagamento caso o clube consiga fazer crescer o número de contas da versão virtual do banco, a partir do engajamento da torcida, com mais campanhas como foi feita a do Sócio Torcedor.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - redacao@agorarn.com.br
Comercial: (84) 98117-1718 - publica@agorarn.com.br
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.