BUSCAR
BUSCAR
Brasileirão 2020
Atlético-GO consegue liberação para jogadores com Covid enfrentarem o Flamengo
Argumento usado pelo clube foi de que os atletas não já não possuem potencial para transmitir a doença, que foi acatado pela junta médica da CBF
Redação
12/08/2020 | 09:49

Enquanto o Flamengo tenta se recuperar da derrota em casa para o Atlético Mineiro na estreia do Campeonato Brasileiro da Série A, o Atlético Goianiense conseguiu junto ao deparamento médico da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) que jogadores infectados com Covid-19 enfrentem o time carioca na noite desta quarta-feira (12/8) em Goiânia.

A informação foi confirmada ontem pelo médico do clube goiano, Gleyder Sousa. Conforme divulgado pelo Globoesporte.com, o dragão contava com ao menos quatro jogadores infectados pelo novo coronavírus.

No pedido feito a junta médica da CBF, o Atlético Goianiense usou o protocolo estabelecido pela confederação, com o argumento de que os jogadores infectados foram colocados em isolamento, e no momento os quatro atletas não tem mais potencial de transmitir o vírus.

O argumento usado pela equipe goiana foi aceito pela junta médica da Confederação, e o Atlético Goianiense poderá contar com esses quatro jogadores contra o Flamengo no jogo desta noite.

Vale ressaltar que todos os jogadores do time goiano relacionados para a partida de hoje, foram submetidos aos testes de Covid-19, e restando apenas o resultado de dois exames serem entregues ao clube.

O jogo de hoje marca a estreia do Atlético Goianiense na Série A do Campeonato Brasileiro, uma vez que a partida contra o Corinthians marcada para o último domingo (9) foi adiada, uma vez que o time paulista disputou a final do Paulistão 2020 no sábado.

Vale lembrar que devido ao protocolo estabelecido pela CBF, e por problemas na entrega dos resultados de exames de Covid-19, a partida entre Goiás x São Paulo do último domingo (9) não ocorreu, e o jogo acabou suspenso, uma vez que 10 jogadores do Goiás testaram positivo para Covid-19 e desses oito são titulares da equipe.

E devido a toda confusão do último final de semana, que aconteceu não apenas com o Goiás, mas também com o Vila Nova, e com o Imperatriz do Maranhão, a CBF mudou o protocolo para os jogos, estabelecendo que todos os jogadores devem ser testados, e aceitando testes dos laboratórios das cidades de cada clube, antes eram aceitos os exames de apenas um laboratório indicado pelo Hospital Albert Einstein em São Paulo.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.