BUSCAR
BUSCAR
Informação e opinião

Confira a coluna “Por trás da Notícia” de Ney Lopes de segunda-feira 4

04/01/2021 | 06:18

“Tiro no pé” dos EUA e Reino Unido

2021 começa com “fato novo” na economia global. Após sete anos de negociações, a União Europeia (UE) e a China aprovam acordo comercial. A união de duas potências líderes e duas civilizações, teve como causa a intolerância, egoísmo e o nacionalismo patológico de Trump nos EEUU, ao retirar o país da OMC e o “Brexit” dos conservadores britânicos (saída da UE). A China, acusada de “totalitarismo comunista”, aceita a “liberdade de mercado” e os europeus aproveitam para reduzirem a dependência econômica dos americanos. O Reino Unido e Joe Biden enfrentarão verdadeiro “labirinto de Creta”, em pleno século XXI. De agora por diante, a preocupação será buscar caminhos para a redução dos prejuízos econômicos causados pelo gesto tresloucado de Trump e a inconsequência do Brexit, que elegeram a China como o moderno monstro “Minotauro”, a ser destruído. O “tiro no pé” afetará o bolso de britânicos e americanos.

Biden acusa trump de obstruir transição e fala em risco para segurança nacional

Olho aberto

  1. E o futuro da cidade de Natal? As posses e discursos anunciaram alguma meta arrojada, de mudanças reais? Ou, apenas a pauta de rotina e continuidade do que vinha sendo feito? Ainda há tempo. É aguardar e acompanhar.
  2. Dos países que compõem o Reino Unido saíram do mercado europeu a Inglaterra, País de Gales e Escócia. A Irlanda do Norte permaneceu e é o “nó górdio” a ser desatado, por ser a fronteira marítima que permite acesso aos demais países. Um problema crucial para o livre comércio britânico.
  3. Um dos continentes com maior queda da economia, por força da pandemia é a América Latina. A previsão é de 7.7%, em média. Há três exceções de países que crescerão em 2021: Peru (9%), Panamá (5,5%) e Bolívia (5,1%). E o Brasil?
  4. Há uma década Peter Turchin, russo, professor de Evolução Cultural e História das Civilizações da Universidade de Connecticut, previu 2020 como um ano atroz. O mais preocupante é a hipótese por ele levantada, de que a pandemia será seguida em 2021 de crescente instabilidade política, sobretudo nos EEUU, que poderá levar até a uma guerra civil.
  5. A agencia Morgan Stanley prevê aumento de 6.4% no PIB global. Citigroup projeta 5%. O FMI só acredita em 4.4% de crescimento, em 2021.
  6. Os EEUU de “olho aberto” na exploração de lítio. Tenta impedir que o mercado mundial seja refém da China. O mineral chamado “petróleo branco” ou “ouro branco”, por ser a matéria prima na fabricação das baterias dos carros elétricos. A maior reserva de lítio no Brasil está no médio Vale do Jequitinhonha (MG).

Choro por ti
O Ceará consolidará em 2021 a sua “área de livre comércio” – “hub de comércio exterior” -, que centralizará as exportações cearenses. Há anos digo e repito que o “Grande Natal” é a área geográfica mais privilegiada das Américas para instalação de “polo exportador e turístico”, pela proximidade com África, Europa e Canal do Panamá. Mas, o RN continuará no “ora veja”. A prioridade aqui é para propostas repetitivas e sem “inovação”. Fazer o que? “Choro por ti RN”!

Ex-ministro
O ex-ministro general Santos Cruz é quem diz: “Bolsonaro ‘administrou’ mal a escolha de Pazuello. Era para exercer sua total liderança e sair fortalecido. Isso não aconteceu”.

Cautela
Wanderson de Oliveira, ex-secretário do Ministério da Saúde, defende a continuidade dos hospitais de campanha.

Thermas de Mossoró
A previsão é que seja reaberto no 1º semestre por grupo da Paraíba.

Gatos, cães…
A Rússia já trabalha numa vacina para proteger os animais da Covid 19. Surgiram no país infecções generalizadas de gatos, cães e até leopardos das neves.

Ney Lopes: Repórter que sempre fui: estado rico de gente pobre (final)
Confira a coluna de Ney Lopes nesta sexta 01
01/03/2024 às 08:20
Ney Lopes: O repórter que sempre fui: “ainda sobre ser advogado de defesa” (X)
Confira a coluna de Ney Lopes desta quinta 29
29/02/2024 às 07:39
Ney Lopes: Repórter que sempre fui: Calazans Fernandes e a minha cassação (VIII)
Confira a coluna de Ney Lopes nesta terça-feira 27
27/02/2024 às 08:17
Ney Lopes: Repórter que sempre fui: quase perdi a vida (VII)
Confira a coluna de Ney Lopes deste sábado 24
24/02/2024 às 07:39
Repórter que sempre fui:onde trabalhei (II); leia opinião de Ney Lopes
Confira a coluna de Ney Lopes deste sábado 17
17/02/2024 às 07:27
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.