BUSCAR
BUSCAR
Escrita
Confira a coluna “Desenrolando a Língua” desta terça-feira 2

02/03/2021 | 00:38

ESTE – ESSE (II)

Volto ao emprego de “esse” e “este”. Desta vez, para falar da localização no tempo. Devemos empregar “este” (esta, isto) em relação a um espaço de tempo presente. É o que justifica o uso de “desta”, no texto acima. Já o demonstrativo “esse” (essa, isso) deve ser utilizado em relação a um espaço de tempo passado: “Ontem, tive ótimas surpresas, não esquecerei esse dia”.

GRIPE SUÍNA

A gripe suína (já esquecida) popularizou o adjetivo relativo a porco. A língua portuguesa dispõe de muitos adjetivos de emprego incomum para referir-se a animais. Vejamos: “vulturino” (de abutre), “equestre” ou “equino” (de cavalo), leporino (de lebre), “simiesco” (de macaco), “apícola” (de abelha), “aquilino” (de águia), “asinino” (de asno), “lupino” (de lobo). Antes que eu esqueça, “porcino” é outro adjetivo relativo a porco.

ACIDENTE – INCIDENTE

Eis um par de parônimos que requer atenção de quem escreve ou fala. Os parônimos são palavras semelhantes na grafia e na pronúncia. Assim, é muito importante observar o significado das palavras. “Acidente” quer dizer desastre, acontecimento fortuito: “Houve um acidente de veículos na principal rodovia”. Já “incidente” é um episódio ou acontecimento sem grandes proporções: “Os incidentes não foram suficientes para nos desanimar”.

FIQUE DE OLHO

O uso do hífen permanece nos compostos terminados por sufixos de origem tupi-guarani que representam formas adjetivas, como -açu, -guaçu e mirim, quando o primeiro elemento acaba em vogal acentuada graficamente ou quando a pronúncia exige a distinção gráfica entre ambos: jacaré-açu; Ceará-Mirim; amoré-guaçu; manacá-açu.

ABRE ASPAS

Se você não contar a verdade sobre si mesmo, não poderá contar a verdade sobre outras pessoas. Virgínia Woolf

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.