BUSCAR
BUSCAR
Política potiguar
Planejando calado
Redação
08/06/2020 | 03:05

A saída de Jaime Calado da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Econômico, formalizada na última sexta-feira (5), deixou muita gente intrigada. Principalmente depois de ele declarar apoio à reeleição do prefeito de São Gonçalo do Amarante, Paulo Emídio de Medeiros. Se não será candidato, qual é, então, o objetivo de Jaime ao pedir exoneração a quatro meses do pleito? Por que, ao sair, afirmou que buscava atender ao prazo de desincompatibilização estabelecido pela lei eleitoral se não vai disputar a sucessão municipal? Em nota, o agora ex-secretário limitou-se a dizer que segue aliado tanto de Fátima quanto de Paulo Emídio e que sua saída é um “até breve”.

Planejando calado II

Segundo a lei federal complementar nº 64, de 1990, como saiu do cargo de secretário de Estado faltando quatro meses para as eleições, Jaime Calado só pode ser candidato a prefeito em 2020. Se quisesse ser candidato a vereador, teria de ter se afastado seis meses antes. E nem mudar de domicílio eleitoral (para ser candidato a prefeito em outro município) ele pode, já que o prazo para trocar já acabou.

Planejando calado III

Segundo o que transpirou dos bastidores até agora, tudo leva a crer que Jaime Calado decidiu deixar o cargo de secretário realmente para se dedicar às candidaturas lançadas ou apoiadas pelo seu partido, o Pros. Além de apoiar a reeleição de Paulo Emídio, em São Gonçalo, a legenda também quer chegar ao poder em Parnamirim. No município, o partido é liderado pelo ex-prefeito Maurício Marques.

Planejando calado IV

Homem de confiança da governadora, Jaime Calado pode se tornar também, agora que deixou o governo, o principal articulador de Fátima Bezerra nas eleições municipais deste ano. Às voltas com problemas da gestão, como o controle das finanças e o enfrentamento da pandemia, Fátima pode delegar ao seu ex-secretário a missão de organizar candidaturas em várias cidades do Estado.

Planejando calado V

Parte dessa função Jaime Calado já exerceu nas eleições de 2018. Nos bastidores, o ex-prefeito de São Gonçalo atuou fortemente para eleger Fátima Bezerra governadora, aproximando a petista do empresariado – tanto que virou secretário do Desenvolvimento Econômico depois. Além disso, emplacou sua mulher, Zenaide Maia, como candidata ao Senado. E ela foi eleita também.

Troca-troca

Mudança no primeiro escalão da Prefeitura do Natal. Após portarias publicadas no Diário Oficial, Tomaz Neto deixou a Secretaria de Obras para assumir a Secretaria de Habitação. Trocou de lugar com Carlson Gomes, que, por sua vez, saiu da Habitação para a pasta de Obras.

Alerta do Cremern I

No momento em que médicos se popularizam na internet com “poções mágicas” para prevenir ou tratar o coronavírus, o Conselho Regional de Medicina faz um alerta. Em nota, a entidade falou dos riscos da “automedicação, do sensacionalismo e da autopromoção nesse momento delicado de pandemia”.

Alerta do Cremern II

O órgão diz que a automedicação ou aquisição de receitas de forma “indiscriminada” pode trazer riscos à saúde.

Alerta do Cremern III

O Cremern complementa: “Repudiamos toda e qualquer postura sensacionalista que vise a autopromoção e que interfira no que há de mais importante no processo do tratar que é a relação médico/paciente e o ato médico que a envolve. O Cremern está atento e adotará as medidas cabíveis”.

Luto

Morreu neste fim de semana, aos 61 anos, após infarto, o vereador Gelson Lima, presidente da Câmara Municipal de Macaíba.

Av. Hermes da Fonseca, N° 384 - Petrópolis, Natal/RN - CEP: 59020-000
Redação: (84) 3027-1690
[email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.