BUSCAR
BUSCAR
Daniel Menezes

A engorda é a nova ivermectina eleitoral do prefeito Álvaro Dias

Leia a Coluna de Daniel Menezes desta quarta-feira 10
Daniel Menezes
10/07/2024 | 07:56

O prefeito Álvaro Dias (Republicanos) tenta inflar o antipetismo, criando uma nova narrativa de que o atraso da engorda de Ponta Negra ocorre pela ausência da concessão da licença do Idema. A Prefeitura do Natal teve um ano para entregar o processo e até agora não o fez na íntegra. A preocupação de Álvaro Dias é terceirizar o atraso da obra, já que ela não ficará pronta até a eleição, momento em que será inevitavelmente cobrado a partir do debate que se intensificará. Além disso, procura insuflar um movimento de polarização para que Paulinho Freire, seu pré-candidato em Natal, apareça como o bem disposto a salvar a cidade do mal enquadrado como o PT.

O alvo não é Natália Bonavides (PT), mas Carlos Eduardo (PSD). Se a polarização se acirrar, Carlos pode ser atrapalhado por ela. O debate se restringindo aos temas locais cria ambiência positiva para Carlos Eduardo, e é isto que Álvaro não quer.

Prefeito de Natal, Álvaro Dias (Republicanos), em discurso na Câmara Municipal, que vai decidir sobre o projeto - Foto: José Aldenir/Agora RN
A engorda é a nova ivermectina eleitoral do prefeito Álvaro Dias - Foto: José Aldenir/Agora RN

Guardadas as devidas diferenças, a movimentação é idêntica à que ele criou em 2020, quando apareceu como o salvador da pátria na pandemia, distribuindo ivermectina e culpando o Governo do RN por atrapalhar a resolução do problema. O resultado é conhecido: Natal obteve índices de contágio e mortes acima da média estadual e nacional.

A engorda se arrasta desde 2012 e não pode ser feita agora a toque de caixa, sem projeto, sem noção de impacto, pois irá mudar uma praia inteira. Não custava nada ter respondido às demandas da lei. Alterar o cronograma em uma semana ou um mês só para atender os desejos eleitorais de Álvaro Dias pode significar a ruína de uma região inteira. Que os envolvidos e o cidadão tenham a consciência disso.

ARRUACEIRO?

Assessores de Álvaro Dias, a partir da liderança do próprio prefeito, invadiram o Idema em vez de finalizarem o processo para aquisição de licença definitiva da engorda que tiveram um ano para fazer e não fizeram. Teremos a condenação da invasão a um prédio público e vilipêndio do patrimônio do Estado?

COMO CHEGOU ATÉ AQUI?

E uma draga, que custa R$ 500 mil por dia de aluguel, veio para Natal num momento em que a licença da obra da engorda de Ponta Negra ainda não estava liberada. Como ela chegou até aqui? Quem locou? Quem chamou?

Prefeito Álvaro Dias imita a ex-governadora Rosalba
Confira a coluna de Daniel Menezes nesta quarta-feira 3
03/07/2024 às 07:39
Ingenuidade de Gustavo Carvalho
Confira a coluna de Daniel Menezes neste sábado 29
29/06/2024 às 07:55
Governadora Fátima fortalecida na Assembleia Legislativa
Confira a coluna de Daniel Menezes desta quinta-feira 27
27/06/2024 às 07:46
Os bastidores sobre a pré-candidatura de Rafael Motta
Confira a coluna de Daniel Menezes deste sábado 22
22/06/2024 às 09:48
São João virou flanco contra Álvaro Dias aproveitado por Carlos Eduardo
Confira a coluna de Daniel Menezes nesta quarta-feira 19
19/06/2024 às 07:44
Clamor por anistia para golpistas é reconhecimento de crime sem pedido de desculpas
Confira a coluna de Daniel Menezes desta terça-feira 11
11/06/2024 às 08:10
A quem interessa o discurso de manipulação sobre pesquisas eleitorais?
Confira a coluna de Daniel Menezes desta quinta-feira 6
06/06/2024 às 07:40
Deputados estaduais, abram mão de suas emendas
Confira a coluna de Daniel Menezes deste sábado 1º
01/06/2024 às 09:44