Publicidade
Prevenção
Maiores shoppings do RN, Midway Mall e Natal Shopping deixam de funcionar
Fechamentos acontecem a partir deste sábado (21). Excepcionalmente, o hipermercado Extra, farmácias e as clínicas continuarão funcionando
Por Redação - Publicado em 20/03/2020 às 09:24
José Aldenir/Agora RN
A suspensão das atividades começam a partir deste sábado (21) e vai até dia 15 de abril
O s maiores shoppings do Rio Grande do Norte, o Midway e o Natal Shopping, ambos em Natal, divulgaram nesta sexta-feira (20) que vão suspender suas atividades em razão do novo coronavírus.

O Midway fechará por tempo indeterminado, a partir deste sábado (21). Já o Natal Shopping, anunciou que também fecha neste sábado, mas que deve reabrir no dia 15 de abril.

Em nota, o Midway informou que o objetivo é proteger os clientes, lojistas e colaboradores da pandemia do novo coronavírus. Excepcionalmente, o hipermercado Extra, as farmácias e as clínicas continuarão funcionando.

O Natal Shopping esclarece que ficam mantidos os acessos às farmácias e clínicas de atendimento à saúde e reitera que as operações de delivery funcionarão normalmente.

Calamidade pública

O Governo do Rio Grande do Norte editou outro decreto para enfrentamento à crise decorrente da pandemia do novo coronavírus (Covid-19). O documento, assinado pela governadora Fátima Bezerra, foi publicado na edição desta sexta-feira (20) do Diário Oficial do Estado (veja AQUI), e decreta estado de calamidade pública para o Rio Grande do Norte.

Cai de 108 para 75 número de casos suspeitos de coronavírus no RN; 32 são descartados
Governo do RN decreta estado de calamidade pública pelo coronavírus
Confira os serviços do Estado que estão suspensos por causa do coronavírus
Mortos pelo mundo são mais de 10 mil com 224 mil infectados
Após pedido de prefeito, antigo hotel de Natal é disponibilizado para tratamento do coronavírus
Laboratório do Governo do Estado vai fazer diagnóstico do coronavírus
Governo do RN publica decreto para enfrentar práticas abusivas contra a economia popular
Em Natal, quantidade de passageiros de ônibus cai 30% e CBTU reduz viagens de trens
Possível morte por coronavírus é investigada em Parnamirim
Em meio a pandemia, Sesap faz chamamento público para compra de medicamentos
Publicidade
Publicidade