BUSCAR
BUSCAR
Polêmica
Moro se defende: “teria concordado ontem com a substituição do diretor geral da PF”
Sérgio Moro usou o Twitter para se defender da acusação de Bolsonaro nesta sexta-feira (24)
Redação
24/04/2020 | 18:22

O ex-ministro da Justiça e da Segurança Pública Sérgio Moro usou o Twitter nesta sexta-feira (24) para se defender das acusações do presidente da República Jair Bolsonaro. Moro negou a acusação de Bolsonaro de que a permanência de Maurício Valeixo como diretor-geral da Polícia Federal deveria durar até que Bolsonaro indicasse Moro a uma vaga no Supremo Tribunal Federal.

Na rede social, Moro escreveu: “A permanência do Diretor Geral da PF, Maurício Valeixo, nunca foi utilizada como moeda de troca para minha nomeação para o STF. Aliás, se fosse esse o meu objetivo, teria concordado ontem com a substituição do Diretor Geral da PF”.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.