BUSCAR
BUSCAR
Articulação
Temer anuncia que vai pedir suspensão de inquérito aberto contra ele no STF
Eestratégia de presidente da República é contestar a legalidade da gravação, atacando falhas no áudio entregue à PGR (Procuradoria-Geral da República) pelo dono da JBS, Joesley Batista
Folha de S. Paulo
20/05/2017 | 14:07

O presidente Michel Temer anunciou que vai pedir ao STF (Supremo Tribunal Federal) a suspensão do inquérito aberto contra ele por corrupção, obstrução de justiça e formação de organização criminosa.

A decisão foi anunciada em pronunciamento realizado na tarde deste sábado 20 no Palácio do Planalto. A equipe do presidente preparou desde as primeiras horas da manhã o discurso do peemedebista, que esteve reunido em Brasília com seus principais auxiliares.

Na quinta-feira 18, Temer fez um rápido pronunciamento para rebater as acusações de Joesley Batista de que deu aval para a compra do silêncio do ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ). Na fala em tom duro, o presidente disse que não renunciaria ao mandato.

Na sexta-feira 19, porém, novas acusações surgiram contra Temer e o agravamento da crise fez com que aliados o pressionassem a deixar o cargo.

Agora, a defesa do peemedebista, comandada pelo advogado criminalista Antonio Claudio Mariz de Oliveira, argumenta que a investigação não pode prosseguir enquanto não for analisada a validade da gravação de uma conversa entre o presidente e o empresário Joesley Batista, que embasou a abertura do inquérito.

A estratégia de Temer é contestar a legalidade da gravação, atacando falhas no áudio entregue à PGR (Procuradoria-Geral da República), para tentar postergar o avanço da investigação.

A avaliação do Planalto é de que há caminhos para salvar Temer das acusações feitas contra ele no âmbito jurídico, mas a suspensão do inquérito seria importante para reduzir o peso político que a condição de investigado confere ao presidente.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.