BUSCAR
BUSCAR
Escolha
Bolsonaro declara que vai indicar ministro do STF “terrivelmente evangélico”
Presidente afirmou que, independente das críticas direcionadas à bancada evangélica, esta tem um superávit enorme junto à sociedade
Redação
10/07/2019 | 10:27

O presidente da República, Jair Bolsonaro, afirmou que utilizará seu direito de indicar dois ministros para Supremo Tribunal Federal (STF) para colocar, ao menos um deles, alguém “terrivelmente evangélico”.

A declaração foi feita na manhã desta quarta-feira, 10, na Câmara dos Deputados, durante um culto evangélico.

O presidente afirmou, se utilizando ainda das palavras da ministra Damares Alves, que “muitos tentam nos deixar de lado dizendo que o estado é laico. O estado é laico, mas nós somos cristãos. Ou, para plagiar a minha querida Damares: Nós somos terrivelmente cristãos. E esse espírito deve estar presente em todos os poderes. Por isso, o meu compromisso: poderei indicar dois ministros para o Supremo Tribunal Federal (STF). Um deles será terrivelmente evangélico”.

Jair Bolsonaro, que é católico, contou com o suporte de diversos grupos evangélicos durante sua campanha eleitoral. O presidente afirmou que, independente das críticas direcionadas à bancada evangélica, esta tem um superávit enorme junto à sociedade.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.