Abc perde para o sampaio corrêa em casa e se complica ainda mais na série b

ABC perde para o Sampaio Corrêa em casa e se complica ainda mais na Série B

O ABC mais uma vez não fez valer o fator casa e, neste sábado (31), foi derrotado pelo Sampaio Corrêa, por 3 a 2, no Frasqueirão, e viu a vida ficar ainda mais complicada no Campeonato Brasileiro da Série B.

Com 28 pontos, o Alvinegro ocupa a 18ª colocação na tabela, 10 a menos que o Macaé/RJ, primeiro clube fora da zona de rebaixamento, faltando apenas cinco partidas para o fim da competição. Já os maranhenses estão em 5º, com 53 pontos.

O ABC volta a campo na próxima sexta-feira (6), às 20h (horário local), em Fortaleza, diante do Ceará, em confronto direto na luta contra o rebaixamento. No sábado (7), também às 20h, o Sampaio Corrêa encara o Oeste/SP.

Os gols

Nadson abriu o placar para os visitantes aos 44 do primeiro tempo, após acerta um belo chute. Aos 13 da etapa final, Bismark empatou e deu esperanças para a torcida. Porém, pouco tempo depois, aos 18, Nadson recebeu de Válber para fazer o segundo dele. Aos 38, o atacante fez o terceiro para os maranhenses. Já nos acréscimos, Adriano Alves diminuiu para os potiguares, mas o placar terminou mesmo em 3 a 2.

Primeiro dia da ‘operação feriadão’ tem 125 condutores notificados

Primeiro dia da ‘Operação Feriadão’ tem 125 condutores notificados

O Comando de Polícia Rodoviário Estadual (CPRE) intensificou durante todo esta sexta e sábado (31), em Natal e no interior, as fiscalizações a motoristas e motociclistas nas principais rodovias estaduais. Ao todo mais de 900 veículos foram abordados resultando em 121 autos de infrações aplicados.

Em Natal e Região Metropolitana, o 1º Distrito de Polícia Rodoviária Estadual (1º DPRE) realizou com barreiras fixas e itinerantes, abordagens a 400 condutores. A ação resultou em 14 Carteiras de habilitação recolhidas e nove autos de infração, além de seis carros e uma motocicleta recolhida ao pátio do Departamento Estadual de Trânsito (Detran).

O 2º DPRE também intensificou as abordagens aos veículos e pessoas na RN 117, na região Oeste, durante toda a operação Lima Sierra “Lei Seca”, com o objetivo de coibir as infrações e crimes de trânsito. 166 veículos foram abordados, sendo confeccionados 21 autos de infrações, além de 58 testes de alcoolemia. Oito veículos foram apreendidos por irregularidades diversas.

Em Pau dos Ferros, o 4º DPRE fiscalizou 42 veículos resultando em quatro Auto de Infração confeccionados, 10 testes de alcoolemia realizados e um veículo recolhido ao pátio do Detran. Um motorista foi detido com o teor de álcool acima do permitido.

Nas rodovias do Seridó, o 3º DPRE fiscalizou 297 veículos, fez 225 testes de etilômetros, confeccionou 51 autos de infração de trânsito e removeu 19 veículos. Uma equipe do GTOR do 3° DPRE apreendeu cinco espingardas, calibre 32 e 38, em poder de quatro homens que ocupavam caminhonete Hillux com placas de Parnamirim/RN. Os homens foram apresentados à autoridade policial de plantão na condição de flagrante, contudo os suspeitos alegaram que armas são usadas para caçar.

Na região do Trairí, o 5ºDPRE fiscalizou 96 veículos que transitaram nas principais rodovias da região. 40 autos de infração foram confeccionados, 72 testes de etilômetro realizados e seis veículso foram recolhidos ao Detran.

O comandante do CPRE, coronel Ulisses Nascimento de Paiva, disse que a operação irá até a meia-noite da segunda-feira (2) e acredita que várias vidas estão sendo salvas nas rodovias com o trabalho preventivo. O comandante destacou ainda que o profissionalismo e comprometimento dos profissionais que atuam no trânsito tem sido o grande diferencial para os bons resultados obtidos pela Polícia Militar.

“Os resultados demonstram que as ações da Segurança Pública estão no caminho certo e que nosso trabalho está poupando mais vidas no RN. Também é preciso ressaltar que a sociedade está mais precavida e fazendo a sua parte”, disse o comandante do CPRE.

Governador acompanha marcha para jesus em natal

Governador acompanha Marcha para Jesus em Natal

O governador Robinson Faria acompanhou, na tarde deste sábado (31), a Marcha para Jesus, evento que reuniu milhares de fiéis evangélicos em caminhada de Ponta Negra a Mirassol.

Na Praça da Árvore, onde um palco foi montado para receber os participantes do evento, o governador ressaltou a alegria em ter feito parte daquele momento de fé. “Fico feliz em estar aqui, onde todos estão reunidos em nome de Deus. As orações são fundamentais para nos ajudar a enfrentar as adversidades do dia a dia”, realçou.

O evento, que já faz parte do calendário de Natal, aconteceu no dia do Evangélico e contou com representantes de mais de 30 igrejas. Estima-se um público próximo a 10 mil pessoas. O percurso da marcha foi animado por bandas de louvor.

Confira cinco coisas que te deixam mais burro

Confira cinco coisas que te deixam mais burro

Tudo sempre ter que ter uma consequência. E às vezes ela não é das melhores. Por exemplo: tomar um refrigerante bem gelado numa tarde de verão pode parecer uma boa ideia. Mas se você faz isso com frequência talvez esteja ficando mais burrinho. E sabe aquelas reuniões chatas e intermináveis? Avisa seu chefe que ela também te deixa menos espertinho. E a lista não para por aí, dá uma olhada nas coisas que acabam com a sua inteligência.

VIVER NUMA CIDADE GRANDE

Pesquisadores da Universidade de Michigan, nos Estados Unidos, dividiram voluntários em dois grupos: um teria de passear por um parque e outro por uma avenida movimentada. Depois dos passeios, todos fizeram alguns testes. Quem andou pela cidade tinha uma memória pior, problemas de aprendizado e conseguia se concentrar menos. Tudo culpa do excesso de coisa acontecendo: uma confusão de vários sons, cheiros, luzes. Por mais que você não perceba, seu cérebro está trabalhando loucamente. Aí ele fica congestionado – e trabalha mais lentamente.

FAZER REUNIÕES

Segundo pesquisa americana, a gente foi feito pra trabalhar sozinho – nosso cérebro funciona melhor assim. Eles avaliaram o QI de alguns voluntários e pediram a eles para resolverem alguns testes de lógica, em duas situações: sozinhos ou com um grupo pequeno de pessoas. E eles se saíam melhor quando estavam sozinhos. É que quando estamos em grupo, como acontece em reuniões, além de usar o raciocínio, nosso cérebro ainda precisa colocar pra trabalhar o lado social.

TOMAR MUITO REFRIGERANTE

Na receita de todo refrigerante vai xarope de milho rico em frutose. É seis vezes mais doce do que o açúcar comum – e mais barato. Só tem um problema: ele deixa você lento na hora de aprender e memorizar informações. Foi um pessoal da Universidade da Califórnia que comprovou. Eles ensinaram a alguns ratos o trajeto para sair de um labirinto – deixando pelo caminho rastros e pistas para que eles não esquecessem como chegar até a saída. Depois, dividiram os ratos em dois grupos: metade receberia uma alimentação saudável, rica em ômega-3, enquanto os outros seriam alimentados com o tal xarope de milho. Por seis semanas eles seguiram a dieta. Depois disso, os pesquisadores os colocaram mais uma vez no labirinto. Como era de se esperar, os bichinhos que seguiram a dieta com ômega-3 se saíram bem melhor: encontravam mais rápido a saída.

TER RESSACA

Sim, segundo pesquisa da Universidade Keele, no Reino Unido. Dizem eles que, durante a ressaca, o desempenho da nossa memória de trabalho (memória de fácil acesso, que torna possível ler e compreender uma frase do início ao fim) cai de 5% a 10%. E ainda nos deixa mais lentos: uma pessoa de 20 anos fica tão ágil quanto uma de 40 anos. O etanol e a desidratação formam o time de culpados. Quando o corpo tenta se livrar do álcool, algumas moléculas tóxicas são formadas. E é por isso que a gente dá uma emburrecida no dia depois da bebedeira.

MULHERES BONITAS

A pesquisa holandesa só incluiu homens heterossexuais (então não dá pra saber se são os belos do mesmo sexo que emburrecem os gays). Depois de interagirem com homens ou com mulheres, todos os voluntários tiveram de fazer alguns testes. Quando haviam conversado com uma mulher, a capacidade cognitiva dos homens caía. E quanto mais o voluntário a achava bonita, maior era essa confusão mental. Segundo os cientistas, a explicação vem daquela bobeira daquele papo que justifica até traições: homens são mais motivados pelo acasalamento. Aí procuram sinais de interesse no comportamento feminino. E isso os deixa biologicamente confusos.

Superinteressante

Pm captura foragido e prende suspeito de assalto na grande natal

PM captura foragido e prende suspeito de assalto na Grande Natal

Policiais do 3º Batalhão de Polícia Militar (3ºBPM) prenderam na manhã deste sábado (31), em São José de Mipibú, um homem identificado como Adailton Gomes de oliveira, 26 anos, após roubar três celulares de clientes que estavam em uma loja. As vítimas informaram a PM as características do acusado e, durante diligências, ele foi localizado. Com o suspeito foi encontrado os celulares e uma arma utilizada no crime.

Na mesma cidade, o 3º BPM já havia detido dois homens após serem flagrados durante a madrugada deste sábado (31) com dois tablets de maconha na Rua da Praça, no centro da cidade. A PM também conduziu a dupla, em flagrante, à Delegacia de plantão da Zona Sul, em Natal, para os procedimentos cabíveis.

Em Parnamirim, a Polícia Militar prendeu um homem identificado como Thiago Ferreira de Lima, 28 anos, foragido da justiça, após uma denúncia anônima.

A PM recebeu a informação que o infrator estaria na Rua Nova Brasília, no Bairro Nova Vida. Ao chegar ao local, Thiago Ferreira foi abordado e constatado que existia um mandado de prisão em aberto a seu favor. A equipe do 3º BPM conduziu o foragido para delegacia de Plantão da zona Sul onde ele ficou a disposição da justiça.

Fernando henrique cardoso volta a defender renúncia de presidente dilma

Fernando Henrique Cardoso volta a defender renúncia de presidente Dilma

Em entrevista na manhã de ontem (30) a uma rádio gaúcha, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) disse que a presidente Dilma Rousseff teria como melhor alternativa para a crise política propor um pacto pelo qual aceitaria renunciar ao mandato mediante a aprovação de reformas que dificilmente o Congresso e os partidos aceitariam fazer por conta própria, como melhorar os sistemas partidário-eleitoral e o previdenciário. “Ou ela assume e chama o país às falas, apresenta um caminho crível para o país e recupera a força para poder governar, ou então ela, pelo menos, deixa uma marca forte: ‘Eu saio se vocês aprovarem tal e tal coisa”, afirmou o tucano.

“Como a presidente está em uma situação tão delicada, tão difícil, de tão baixa popularidade e, ao mesmo tempo, com tanta dificuldade de aprovar qualquer coisa no Congresso, o que seria com grandeza? ‘Olha aqui, vocês querem que eu saia? Eu saio, mas vocês primeiro me deem tais e tais reformas, para criar um clima mais positivo’”, afirmou FHC.

Para o tucano, as prioridades dessa agenda deveriam ser as regras  eleitorais e o sistema público de pagamento de aposentadorias. “Muda a reforma eleitoral, porque esse sistema está fracassado. Mexe a Previdência, porque se não vai falir. Exige umas tantas coisas que sejam anseios nacionais e (diz:) ‘Se fizerem isso, eu caio fora’. Um gesto e, se fizer isso, nem cai fora, porque ganha (força política).” Há pelo menos dois meses, FHC tem defendido publicamente a renúncia como um “gesto de grandeza” para Dilma.

[vÍdeo] lutador sofre grave lesão em evento de mma

[VÍDEO] Lutador sofre grave lesão em evento de MMA

Uma boa defesa de queda pode fazer toda a diferença em uma luta de MMA. Ter um bom sprawl, conseguir abrir bem a base na grade, não deixar o rival cinturar… Mas tem horas que não tem como. O cara vai te colocar para baixo. Então, o jeito é saber jogar embaixo, com as costas do chão ou se virar para a levar a luta para cima rapidamente.

Quando um lutador vai sofrer uma queda de qualquer jeito, uma das regras mais básicas é: aceite a queda. Prepare-se para o seu corpo ir de encontro ao solo, com o peso de seu rival por cima. NUNCA, mas NUNCA MESMO, use o braço para aparar ou aliviar a queda. O motivo é simples e vamos ver abaixo.

No pequeno evento Classic Entertainment and Sports – CES MMA 31 realizado na última sexta-feira (30), nos Estados Unidos, Buck Pineau não seguiu essa regra básica na luta contra Pat McCrohan. Ele sofreria a queda e ao invés de aceitá-la, colocou o braço no meio do caminho. Resultado: uma fratura horrível e os ossos do cotovelo bem separados.

Veja o vídeo (IMAGENS FORTES)

Na Grade do MMA

Dólar continua subindo e bate recorde nesta quinta-feira

Após três meses de alta, dólar fecha outubro com queda de 2,6%

Depois de três meses consecutivos de alta, a moeda norte-americana cedeu em outubro e fechou em queda. O dólar comercial encerrou esta sexta-feira (30) vendido a R$ 3,863, com valorização de R$ 0,009 (0,23%). Apesar da alta de hoje, a divisa encerrou outubro com queda de 2,6%. Em 2015, a cotação acumula alta de 45,3%.

O câmbio enfrentou um dia de oscilações, comum no último dia útil do mês, porque os investidores tentam influenciar a taxa que o Banco Central usa para corrigir a dívida do governo atrelada à moeda norte-americana. Pela manhã, o dólar chegou a subir fortemente. Na máxima do dia, por volta das 10h50, atingiu R$ 3,883. No início da tarde, a cotação recuou, mas fechou próxima da estabilidade.

Ontem (29), o Banco Central (BC) terminou de rolar (renovar) o lote de contrato de swap cambial que venceria em novembro. Hoje, a autoridade monetária anunciou que, a partir de terça-feira (2), fará o mesmo com os contratos que vencem em dezembro.

Os swaps cambiais funcionam como operações de venda de dólares no mercado futuro e ajudam a segurar a cotação,porque transferem parte da demanda pela moeda norte-americana do presente para o futuro. Ao fazer a rolagem, o BC não oferta novos contratos, apenas prorroga o prazo dos papéis em circulação.

A moeda norte-americana caiu pelo segundo dia consecutivo após a reunião do Federal Reserve (Fed, Banco Central norte-americano), que manteve os juros dos Estados Unidos próximos de zero, no nível mais baixo da história.

O adiamento do aumento das taxas básicas da maior economia do planeta favorece países como o Brasil, porque desestimulam a fuga de capitais de mercados emergentes, que têm juros mais altos.

Agência Brasil

Revista istoé – a resposta de cardozo

Revista Istoé – A resposta de Cardozo

Na semana em que viu o bombardeio contra ele se intensificar, o ministro da Justiça diz em entrevista a ISTOÉ que não aceita as pressões dos aliados, não irá favorecer amigos e que não abre mão dos valores democráticos e republicanos.

Desde que a Lava Jato passou a condenar e levar para a cadeia políticos do PT e empresários graúdos, o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, não teve mais sossego. Chefe funcional da Polícia Federal, principal braço da Operação que já entrou para a história do País por prender corruptos e corruptores considerados até então inatingíveis, o ministro virou alvo de uma saraivada de críticas – a maior parte delas oriunda do Partido dos Trabalhadores.

Nos últimos meses, Cardozo tem sido atacado de maneira inclemente por algo que deveria ser encarado como uma grande virtude sua: não interferir no trabalho dos agentes federais. Num País onde sempre prevaleceu a máxima “aos amigos, tudo; aos inimigos, os rigores da lei”, o zelo do ministro pelo artigo 5º da Constituição brasileira, segundo o qual todos deve ser iguais perante a legislação, nunca deveria ser considerado um demérito. Infelizmente, é o que tem ocorrido.

Na última semana, o bombardeio ao ministro atingiu o seu ápice. Isso porque na segunda-feira 26, véspera do aniversário de 70 anos do ex-presidente Lula, a Polícia Federal cumpriu um mandado de busca e apreensão na LFT Marketing Esportivo, empresa de Luis Cláudio Lula da Silva, filho da estrela máxima do PT. O caçula de Lula é investigado na Operação Zelotes por receber R$ 2,4 milhões de uma empresa suspeita de fazer lobby junto ao Palácio do Planalto para comercializar medidas provisórias em benefício de empresas automotivas.

Ao saber da devassa da PF no escritório de seu filho, Lula investiu-se de fúria. Disparou palavrões – todos impublicáveis – a esmo. A interlocutores, responsabilizou a presidente Dilma Rousseff pelas ações classificadas por ele de “indecentes e inaceitáveis” da PF e pelo fato de ainda não ter substituído o atual ministro da Justiça por alguém capaz de segurar o ímpeto dos policiais federais. O que Lula confidenciou intramuros, o presidente do PT, Rui Falcão, extravasou publicamente. Declarou que o filho de Lula estaria sofrendo uma “perseguição inominável, inexplicável” e afirmou haver uma “campanha direcionada para atingir o PT, a Dilma e o Lula”.

Mas há um alento para os defensores intransigentes do pleno funcionamento das instituições e uma má notícia para os que acham que o Estado deve estar a serviço de seus interesses: Cardozo mantém-se firme no propósito de deixar o trabalho da PF, como se diz na gíria, correr solto. Em entrevista exclusiva à ISTOÉ, concedida em seu gabinete na quinta-feira 29, o ministro garantiu que não pretende intervir na maneira de atuar da Polícia Federal. “Como ministro, só intervirei quando houver caracterização de um descumprimento objetivo da lei ou de abuso de poder por parte de policiais. Até agora não recebi nenhuma representação de quem quer que seja no sentido de que algum policial tenha violado algum dispositivo legal”, afirmou.

No que depender de Cardozo, a despeito das fortes pressões que vem sofrendo do meio empresarial e político, a lei será “igual para todos”. “O ministro da Justiça não deve jurídica e eticamente tentar controlar uma investigação, dizendo que não se investigue um amigo ou se puna inimigos”, acrescentou. Seu dique de proteção é a Carta Magna. Para Cardozo, o ministro que tentasse controlar uma investigação, não só estaria ferindo a ética republicana, como cometendo um crime. “Quem ocupar esse cargo até pode tentar usar subterfúgios para tentar orientar apurações, como já foi feito no passado.  Mas duvido que hoje, após a conquistada independência institucional da PF, algum ministro consiga fazer isso de forma exitosa e sem ter problemas com a própria Justiça”, defende-se.

Cpre apreende 57 papelotes de cocaína em natal

CPRE apreende 57 papelotes de cocaína em Natal

Policiais do 1º Distrito do Comando de Polícia Rodoviária Estadual (1º DPRE) apreenderam nessa sexta-feira (30), 57 papelotes de cocaína, R$ 182 em dinheiro fracionado e cinco celulares, que estavam de posse de quatro pessoas que trafegavam na Avenida Felizardo Moura, no Bairro Nordeste, na zona Oeste de Natal, em um veículo tipo Celta, de cor preta e placas OJR 7255.

Dentro do veículo estavam quatro pessoas sendo o Michael Alessandro Costa Araújo, que já cumpriu pena por tráfico de drogas, Joca Audisio Duarte, que é do regime semiaberto, Jussier Rodrigues de Araújo e uma adolescente.

Todos foram encaminhados para a Delegacia de Plantão da zona Sul de Natal, onde foram realizados os procedimentos pela posse da droga contra os adultos. A adolescente foi entregue ao seu responsável legal.