Cuidado
Circulação: formigamento constante nas pernas pode ser sinal de alerta
Sensação de dormência pode indicar desde o surgimento de varizes até condições mais sérias como infarto
iStock
É possível prevenir estas doenças através de alguns cuidados básicos

Não há quem já não tenha sentido uma sensação de formigamento nas pernas ao passar longos períodos na mesma posição, como sentado em cima dos pés. Segundo a angiologista Dra. Aline Lamaita, membro da Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular, esta é uma reação natural do corpo que ocorre quando o nervo é pressionado ou há falta sangue na região.

Normalmente, esta sensação é apenas momentânea e basta mudar de posição para que ela se dissipe. Porém, se o formigamento acontece de forma recorrente é importante ficar atento aos sinais e consultar um médico especializado para descobrir as causas do problema. Isso porque, em alguns casos, o formigamento nas pernas pode ser indício de doenças cardiovasculares.

A sensação de dormência nas pernas pode estar relacionada, por exemplo, a insuficiência do fluxo de sangue, muito comum em casos de varizes, pois quem possui varizes tem a circulação do sangue afetada pela incapacidade da veia de funcionar adequadamente.

“Como há uma falha no sistema valvular, responsável por controlar a passagem do sangue e fazê-lo retornar ao coração, as válvulas acabam deixando o sangue refluir, que fica acumulado nas veias, aumentando a pressão da área e tornando-a dilatada e tortuosa, com consequente sensação de formigamento”, explica a especialista.

Porém, o formigamento pode indicar doenças ainda mais sérias, como a aterosclerose, condição caracterizada pelo acúmulo de placas de gordura no interior das artérias, que podem bloquear o fluxo sanguíneo e causar um acidente vascular cerebral (AVC) ou até mesmo um infarto.

“Por isso, é importante ficar atento aos sinais. Caso você sinta apenas um lado do corpo formigar, geralmente o rosto, perna e braço, pode ser sinal de AVC, resultado da falta de sangue no cérebro. Já quando a dormência se irradia para o braço, principalmente o esquerdo, e vem acompanhada de outros sintomas, como dor no peito, dificuldades respiratórias, fraqueza muscular, náuseas e suor, pode ser o início de um infarto”, alerta a angiologista.

Mas, de acordo com a Dra. Aline, é possível prevenir estas doenças através de alguns cuidados básicos. Por exemplo, a parte mais importante da prevenção consiste no paciente manter uma alimentação adequada, o peso sob controle, realizar exercícios físicos e ter bons hábitos de vida. Já para prevenir a placa de aterosclerose, que é formada devido ao colesterol alto, avançar da idade e obesidade, o ideal é melhorar a alimentação, consumir menos gorduras saturadas e açúcar e praticar exercício físico regularmente.

“Mas para saber se o formigamento é normal ou preocupante, é essencial que você consulte um médico. Muitas doenças vasculares podem ser controladas se tratadas assim que descobertas, pois o diagnóstico precoce evita complicações mais graves e difíceis de resolver”, finaliza.

 

 

Fonte: Notícias ao Minuto