Respeitada
Cristiana Oliveira afirma que nunca encarou cantada como assédio
'Já recebi flores, aquela coisa sutil, pra que saísse com determinadas pessoas. Mas eu negava', afirmou a atriz, em entrevista a Mariana Godoy na RedeTV!
Instagram / Reprodução
Cristiana é frequentemente lembrada por conta de seu papel como Juma, na novela Pantanal

A atriz Cristiana Oliveira afirmou que nunca se sentiu assediada durante os anos em que trabalhou na TV em entrevista ao Mariana Godoy Entrevista da última sexta-feira, 31.

“Vou ser sincera, podem até achar que estou mentindo, mas eu nunca sofri assédio de ninguém. Nem dentro da Rede Globo, nem dentro da Record, nem dentro da Manchete”, contou.

Em seguida, complementou: “Existia uma cantada, mas era uma cantada muito sutil. Tipo assim: ‘Nossa, você tá linda hoje’, eu sentia um olhar diferente, mas eu nunca encarei isso como um assédio”.

Neste momento, a apresentadora questionou: “Assédio é quando ele diz assim: ‘Você quer ser protagonista? Vai jantar comigo…'”.

“Não, nunca na vida. Já recebi flores, aquela coisa sutil, pra que saísse com determinadas pessoas. Mas eu negava. Nunca saí, nunca namorei… [O] único alguém do meio que eu fui casada foi o Fábio Assunção. Sempre fui muito respeitada, graças a Deus”, respondeu Cristiana.

“Escutei comentários naquela época, ‘ah, mulher burra, tá negando de sair com o diretor’, mas não me arrependo”, concluiu.

Cristiana é frequentemente lembrada por conta de seu papel como Juma, na novela Pantanal.