Resposta
Vereadores de Natal rebatem prefeito sobre reajuste das passagens
Parlamentares destacaram que a autorização para o reajuste tarifário das passagens de ônibus é um ato exclusivo do Executivo e que na ocasião, muitos vereadores, inclusive da bancada governista se posicionaram contrários
Assessoria de Imprensa
Vereadora Ana Paula: "Entrevista do prefeito foi infeliz"

Os vereadores de Natal se manifestaram na sessão ordinária desta quinta-feira, 13, contra o prefeito Álvaro Dias (MDB), que, durante entrevista a uma emissora de TV local declarou que a Câmara “referendou” o reajuste da tarifa do transporte público em maio passado, atribuindo ao legislativo a responsabilidade da decisão.

Os vereadores destacaram que a autorização para o reajuste tarifário das passagens de ônibus é um ato exclusivo do Executivo e que na ocasião, muitos vereadores, inclusive da bancada governista se posicionaram contrários à medida.

“A entrevista do prefeito foi infeliz no sentido de que a Câmara tenha referendado planilhas ditas por ele para aumento da tarifa. O prefeito Álvaro Dias foi o único responsável pelo o aumento, inclusive interessado, pois chegou a ligar para mim e para outros vereadores para que não votássemos o decreto de anulação do aumento concedido. Inclusive, deixo à disposição do Ministério Público meu sigilo telefônico para que confirme o que digo”, denunciou a vereadora Ana Paula.

As críticas à postura do prefeito na entrevista também partiram do presidente da Casa, vereador Raniere Barbosa (AVANTE). Ele disse que acredita ser reflexo da falta de experiência de Álvaro à frente do Executivo. “Acredito que foi infeliz a declaração do prefeito e penso que tenha sido por falta de experiência e preparo enquanto prefeito. Transferir uma prerrogativa que não é dessa Casa, como diz a Lei Orgânica que ele deveria conhecer, mostra que não está preparado para ser prefeito da capital e precisa ainda se capacitar muito”, declarou Raniere.