Publicidade
Revista
Novo crânio é encontrado por agentes na Penitenciária Estadual de Alcaçuz
Cabeça foi encontrada na tarde desta sexta-feira durante uma revista feita por agentes penitenciários. Material colhido foi encaminhado para o Instituto Técnico-Cientifico de Perícia
Divulgação/PM
Material colhido foi encaminhado para o Instituto Técnico-Cientifico de Perícia

Uma nova cabeça foi encontrada no início da tarde desta sexta-feira (10) na Penitenciária Estadual de Alcaçuz, na Grande Natal. O crânio foi encontrado dentro de uma fossa por trás do Pavilhão 3, durante revista feita por agentes penitenciários.

O material colhido foi encaminhado para o Instituto Técnico-Cientifico de Perícia para ser realizada a identificação do preso. Com essa descoberta chega a 12 o número cabeças removidas para o necrotério estadual. Já foram enterrados mesmo sem as cabeças 22 corpos.

O período de rebelião na unidade prisional teve único no dia 14 de janeiro. O balanço dos mortos durante os dias de rebelião ainda registra que presos também morreram em decorrência de degolamento, perfurações ou por sangramento até a morte.

Publicidade
Publicidade