Publicidade
Violência
Duas pessoas morrem e uma fica ferida durante ação policial na Maré
PM informou que entrou na comunidade para apoiar uma operação da PF para fechar uma rádio clandestina e reprimir tráfico e roubo de cargas
Cedida
Lucas Rodrigues, de 21 anos, e Pedro Souza, de 59, morreram durante a operação

Um idoso identificado como Pedro Souza, de 59 anos, morreu baleado durante uma operação da Polícia Militar no Complexo da Maré, na zona norte do Rio de Janeiro. Segundo a organização não governamental Redes da Maré, o homem foi morto na tarde de sexta-feira, 6, dentro de casa, no Parque União.

De acordo com parentes de Pedro, ele, que tem uma barbearia há mais de 20 anos na comunidade, havia fechado o estabelecimento comercial para ir até a sua casa. Posteriormente, no momento em que saía de casa para retornar ao trabalho, foi baleado.

Segundo testemunhas, Pedro foi baleado pouco depois das 16h. A família acrescentou ainda que até por volta das 20h30m, o corpo ainda não havia sido removido do local. A vítima foi atingida na Rua Ari Leão — via onde ficam a barbearia e a casa dele. Vizinhos também relataram terem visto um blindado circulando naquela área no momento em que ele foi baleado.

Além de Pedro, Lucas Rodrigues, de 21 anos, morreu pela manhã. De acordo com o Hospital Geral de Bonsucesso, o rapaz deu entrada já em óbito às 6h37m, baleado em uma das axilas. No início da noite, a família ainda não tinha informações e utilizava as redes sociais para tentar descobrir o que aconteceu com o rapaz e quem levou seu corpo ao hospital.

Outro jovem atingido durante a operação foi Renan Caetano Lima, de 18 anos. De acordo com o hospital, ele chegou às 7h08m com ferimento provocado por arma de fogo na submandíbula. Foi suturado e liberado.

A Polícia Militar (PM) não se pronunciou sobre as mortes. Por meio de nota, a corporação informou que o Comando de Operações Especiais entrou na comunidade para apoiar uma operação da Polícia Federal para fechar uma rádio clandestina e reprimir o tráfico de drogas e o roubo de cargas.

De acordo com a PM, três pessoas foram presas e duas armas foram apreendidas. Também foram encontrados 200 quilos de maconha e 500 munições de calibre .40.

VILA KENNEDY
Na última terça-feira, 3, outra pessoa foi morta durante operação policial na comunidade da Vila Kennedy, zona oeste da cidade. O pedreiro José Baía trabalhava em uma laje da comunidade quando foi baleado. A Polícia Civil informou que fará a reconstituição do crime.

Publicidade
Publicidade