Publicidade
Ranking da Violência
87% dos assassinatos registrados no RN são causados por arma de fogo
Arma branca (5,8%), paulada (2,3%), espancamento (2%) e asfixia mecânica (1,6%) completam a lista
Por Anderson Barbosa/Agora RN - Publicado em 04/11/2019 às 11:06
José Aldenir/Agora RN
87% dos assassinatos registrados no RN são causados por arma de fogo

No Rio Grande do Norte, 87% dos assassinatos registrados nos últimos 10 meses foram causados por arma de fogo. Em seguida, com 5,8%, vêm as chamadas armas brancas, como facas e punhais. Os dados são do Observatório da Violência (Obvio) – entidade não governamental que monitora, contabiliza e analisa as mortes violentas intencionais no estado.

De janeiro a outubro deste ano, o Rio Grande do Norte soma um total de 1.206 mortes violentas intencionais. O número é 29,3% menor que o registrado no mesmo período do ano passado.

Além dos casos envolvendo armas de fogo e armas brancas, casos envolvendo pauladas (2,3%), espancamento (2%) e asfixia mecânica (1,6%) completam a lista dos meios mais empregados pelos assassinos.

MEIOS EMPREGADOS

Nas 1.206 mortes violentas registradas este ano no estado, os meios mais empregados foram:

  • Arma de fogo: 1.050 casos (87,1%)
  • Arma branca: 70 casos (5,8%)
  • Ação contundente (pauladas): 28 casos (2,3%)
  • Asfixia mecânica: 19 casos (1,6%)
  • Outros meios: 15 casos (1,2%)  

O Obvio também atualizou a relação dos 20 municípios considerados mais violentos do RN (confira AQUI a lista completa).

SAIBA MAIS

Os dados divulgados pelo Obvio compõem um trabalho realizado em parceria com a Secretaria de Segurança Pública e da Defesa Social do Rio Grande do Norte (Sesed), por meio da Coordenadoria de Informações Estatísticas e Análise Criminal (Coine).

Publicidade
Publicidade