quinta,
Caos
Com mais uma morte confirmada, Venezuela soma 9 vítimas em protestos
Nas últimas três semanas, atos contra Maduro acontecem em diversas cidades do país, e clima esquenta
Divulgação
Governo culpa "forças antichavistas"

O prefeito do município venezuelano de Sucre, na região metropolitana de Caracas, Carlos Ocariz, afirmou nesta sexta-feira (21) que um homem morreu a tiros na noite dessa quinta-feira (20) no bairro de Petare, no leste da cidade, durante os protestos contra o governo de Nicolás Maduro.

Ocariz pediu para que as autoridades investiguem o caso e encontrem o culpado pela morte do ativista. No Twitter, o político da Venezuela lamentou a morte de Melvin Guaitan, “um humilde trabalhador que morava no bairro de Petare, em Sucre”.

 

 

Fonte: iG