terça,
Reestruturação
Fabricante de câmeras Nikon deixará de vender produtos no Brasil
A companhia, que atualmente comercializa apenas por meio de seu e-commerce no país, disse que o movimento faz parte de uma reestruturação global
Ilustração
Serão mantidos os serviços de assistência ao cliente, disse a empresa

A fabricante de câmeras e equipamentos fotográficos Nikon anunciou nesta quinta-feira que deixará de vender seus produtos no Brasil a partir de 31 de dezembro.

A companhia, que atualmente comercializa apenas por meio de seu e-commerce no país, disse em comunicado que o movimento faz parte de uma reestruturação global.

“A Nikon Corporation está otimizando as estruturas de Pesquisa e Desenvolvimento (R&D), Vendas e Fabricação em uma reestruturação em escala global. Como parte deste processo, a Nikon do Brasil (…) encerrará a venda de câmeras, lentes e acessórios fotográficos para o mercado brasileiro”, disse a empresa em nota divulgada em seu site.

No entanto, serão mantidos os serviços de assistência ao cliente, disse a empresa

“Os demais segmentos de negócios da empresa, incluindo atendimento ao consumidor e assistência técnica, continuarão operando normalmente no Brasil”, disse a Nikon.

Em outubro, a companhia anunciou redução de 1 por cento nas vendas entre abril e setembro, para 340 bilhões de ienes, além do fechamento das operações da unidade Nikon Imaging na China.

 

 

Fonte: Exame