terça,
Temor
TV Globo teme queda de audiência nas transmissões da F-1 em 2018
Único piloto do país ainda na categoria, Felipe Massa afirmou que se aposentará após a etapa de Abu Dhabi, que fecha a temporada de 2017, no dia 26 de novembro
GETTY IMAGES
A emissora transmite a F-1 de forma ininterrupta desde o início da década de 1980

Com contrato garantido com a F-1 até 2020 -quando acaba a vigência de acordo do GP Brasil- a Globo admite que a ausência de um piloto brasileiro no grid em 2018 causa temor em relação à audiência das provas.

“Como em qualquer outra modalidade, não ter um brasileiro é um ponto negativo. Apesar de ainda ter um público fiel, com um brasileiro certamente esse número seria maior. Se for vencedor então, mais ainda”, afirmou a emissora em nota à Folha.

Único piloto do país ainda na categoria, Felipe Massa afirmou que se aposentará após a etapa de Abu Dhabi, que fecha a temporada de 2017, no dia 26 de novembro.

Para o ano que vem, a Globo já tem todas as suas cotas de patrocínios fechadas. As transmissões terão apoio da Cervejaria Itaipava, NET, Nivea, Renault do Brasil, Santander e Tim. As marcas já são parceiras neste ano e podem explorar as placas publicitárias no autódromo de Interlagos.

A emissora transmite a F-1 de forma ininterrupta desde o início da década de 1980.

 

 

Fonte: Com informações da Folhapress