Centro de treinamento
Espaço Senar oferece palestras e cursos de qualificação no campo
Alunos aprendem o manuseio, corte e preparo de carnes, sobretudo caprino, como parte do treinamento. Espaço contém auditório e instalações de cozinha experimental
Senar/ Divulgação
Estudantes em treinamento no espaço montado no parque Aristófanes Fernandes

Todos os anos, desde 2010, quando foi inaugurado, o Centro de Treinamento Kátia Abreu, alusão à senadora e ex-presidente da Confederação da Agricultura do Brasil, enche as edições da Festa do Boi com as cores das camisetas do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), braço educacional para o campo da Federação da Agricultura do RN e da CNA, em nível federal.

No CT do Senar, como é mais conhecido, acontece todo o tipo de atividade teórica e prática, já que ali estão, além de um auditório, instalações de uma cozinha experimental, onde os alunos aprendem o manuseio, corte e preparo de carnes, especialmente caprino, como parte do treinamento ali ministrado.

Quem chega ao CT avista facilmente o que acontece nessa cozinha, já que uma grande janela de vidro a separa a cozinha da entrada principal.

Durante os oito dias da Festa do Boi, ônibus fretados por sindicatos rurais filiados à Federação da Agricultura desembarcam agricultores de todos os cantos do Estado que se reúnem no CT para acompanhar palestras ou participar das oficinas.

Nas horas vagas, essa turma caminha por toda a Feira de Exposições, numa rotina que se repete todos os anos nessa época, o que anima e dá cor às manhãs geralmente mais vazias da Festa do Boi.
Este ano, durante toda a manhã, de segunda a sexta-feira, o CT do Senar abrigará cursos sobre criação de caprinos e oficina sobre silagem no saco.
A avicultura em instalações rústicas, a importância da vacinação da brucelose e uma mesa redonda sobre manejo e gestão na cajucultura também estarão entre os temas.