Publicidade
História
Trabalhos do Centro Cultural Trampolim da Vitória são iniciados no Augusto Severo
Além do antigo terminal de passageiros, o projeto utilizará ainda outras edificações situadas na Ala 10, unidade da Força Aérea Brasileira, em Parnamirim. Na área em que funcionava o antigo terminal de passageiros funcionará um pavilhão de exposições
Ana Amaral / Prefeitura de Parnamirim
Prefeito Rosano Taveira durante lançamento do projeto no Cine Teatro de Parnamirim

A Prefeitura de Parnamirim, através da Secretaria de Planejamento, Finanças, Turismo e Desenvolvimento Econômico (Seplaf), apresentou na semana passada, no Cine Teatro Municipal, o início do trabalho da implantação do projeto do Centro Cultural Trampolim da Vitória. Com o intuito de resgatar a história da cidade, o Centro Cultural será instalado no antigo Aeroporto Augusto Severo e será um dos projetos mais importantes do município.

Entre as autoridades que participaram do evento estavam o prefeito Rosano Taveira, representantes da Força Aérea Brasileira, Sebrae e Fecormércio, secretários e vereadores municipais. A previsão de entrega da primeira etapa do Centro Cultural é o dia 17 de dezembro, dia do aniversário de Parnamirim. A Prefeitura pretende investir aproximadamente R$ 2,1 milhões.

O prefeito Rosano Taveira falou sobre a importância da instalação do Centro Cultural para o município e estado. “Agradeço o apoio da Força Aérea Brasileira. Trabalhamos durante sete meses para alcançar essa conquista. É muito gratificante a realização deste equipamento, que é autossustentável e vai melhorar ainda mais a economia, gerando emprego e renda”, disse Taveira, lembrando que os trabalhos na área começam já nesta semana.

O secretário de Planejamento, Turismo e Desenvolvimento Econômico, Giovani Júnior, apresentou o projeto para a imprensa, autoridades e personalidades de diversos segmentos da sociedade. De acordo com o secretário, as atrações que serão ofertadas no Centro Histórico vão aumentar a visitação de turista na cidade.

“A primeira parte inclui o terminal de passageiros. Vamos contar a história da aviação e da segunda guerra mundial interagindo com a tecnologia. Simulação de voo, projeções, óculos 3D e visitação aos aviões com direito ao uso do fardamento e tudo. A ideia é gerar muita interatividade, para que as pessoas conheçam não só a história, mas possa vivenciá-la também”.

O PROJETO

Além do antigo terminal de passageiros, o projeto utilizará ainda outras edificações situadas na Ala 10, unidade da Força Aérea Brasileira, em Parnamirim.

Na área em que funcionava o antigo terminal de passageiros funcionará um pavilhão de exposições, com mostras temáticas e exposições de aviões utilizados na época da 2ª Guerra Mundial.

Outro espaço utilizado será o Campo da Aeropostale/Air France, que teve suas origens no ano de 1927, quando aqui chegou Paul Vachet, a fim de instalar um aeródromo para a empresa francesa de aviação, dando início assim a história de Parnamirim.

Além deste espaço, será utilizado ainda a Estação da Lati, fundada em 1939 quando a Linee Aeree Transcontinentali Italiani (Linhas Aéreas Transcontinentais Italianas) construiu seu primeiro Hangar para ligação aérea das Américas com a Europa, em substituição aos alemães, envolvidos na 2ª Guerra Mundial.

Serão utilizados ainda três edificações da Base Oeste da Ala 10, construídas originalmente pela aeronáutica, a partir de 1942, com a criação da Base Aérea de Natal.

Brigadeiro da FAB visita COI

O prefeito Rosano Taveira, acompanhado dos secretários Dario de Medeiros, Marcondes Pinheiro e Wolney França, apresentou o Centro de Operações Integradas de Parnamirim ao Brigadeiro da FAB Marcelo Rivero. O militar falou da importância da Central para a segurança pública.

“É fundamental para complementar a segurança, o trabalho da polícia e agir na prevenção. A sociedade sabendo que está monitorada vai se sentir mais segura. Quem tiver intenção de cometer algum crime vai pensar duas vezes, pois sabe que está sendo observado. A cidade está de parabéns”.

Publicidade
Publicidade