segunda,
Espetáculo
Oswaldo Montenegro apresenta “Nossa Histórias” em Natal nesta sexta-feira
'Nossas' é um show em que Oswaldo Montenegro toca suas músicas mais conhecidas, comemorando quarenta anos de parceria com a flautista Madalena Salles
Reprodução
Cantor Oswaldo Montenegro

O cantor Oswaldo Montenegro retorna a Natal nesta sexta-feira 19, a partir das 21h, para apresentar seu show “Nossa Histórias”. Misturando o peso das guitarras, teclados, baixo e bateria com o som clássico da flauta, “Nossas” é um show em que Oswaldo Montenegro toca suas músicas mais conhecidas, comemorando quarenta anos de parceria com a flautista Madalena Salles.

“Bandolins”, “Lua e flor”, “Metade”, “Estrada nova”, “A lista”, “Intuição”, “Léo e Bia”, “Estrelas”, “Sem mandamentos”, “Travessuras” e tantas outras se incorporaram ao inconsciente coletivo do público brasileiro de forma definitiva e, na maioria delas, o solo da flauta foi composto simultaneamente com a melodia e a letra, sendo impossível pensar nessas canções sem lembrar as introduções e os solos.

Nessas quatro décadas de convívio, Montenegro e Madalena trabalharam em mais de trinta espetáculos teatrais, três longas-metragens, séries para TV, espetáculos de dança, e viveram infinitas histórias, retratadas no repertório que apresentam nesse espetáculo. No seu canal do YouTube, lançaram a websérie “Nossas Histórias”, que emprestou o título para essa turnê e na qual contam algumas dessas histórias que viveram juntos – as mais importantes, as mais engraçadas, as mais emocionantes.

Nesses novos tempos de internet, músicas como “A vida quis assim”, “A porta da alegria”, “Eu quero ser feliz agora”, “Me ensina a escrever”, “Sim” (trilha do seu novo filme “O perfume da memória”), “A lógica da criação” (trilha do seu segundo longa, “Solidões”) e outras, acabaram ficando famosas e atingindo milhões de acessos em seus clipes.

Se revezando entre teclados, violões e sopro, com o apoio de uma super banda, eles passeiam por essas pérolas e, mantendo a tradição dos seresteiros, atendem aos pedidos do público e conversam com a plateia, transformando “Nossas Histórias” num encontro afetivo e musical.

Como uma surpresa para os fãs que acompanham essa trajetória desde o início, o show conta com a participação especial de Zé Alexandre, amigo desde a adolescência, em Brasília, excepcional cantor que gravou “Bandolins”, “Estrelas” e outros grandes sucessos de Oswaldo. Os dois, agora, se reencontram no palco depois de 30 anos.