Programa
Idema realiza primeira edição do projeto “Cajueiro Cultural” nesta sexta-feira
Mensalmente, o maior cajueiro do mundo será palco para receber atrações culturais, artes visuais, gastronomia, dança e artesanato para os visitantes
Assessoria de Imprensa
Projeto tem o principal objetivo de valorizar e divulgar os trabalhos de artesãos e artistas da região

O Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente (Idema), através da equipe do Cajueiro de Pirangi, realiza na próxima sexta-feira, 9, a primeira edição do Cajueiro Cultural. Um projeto que tem o principal objetivo de valorizar e divulgar os trabalhos de artesãos e artistas da região.

Mensalmente, o maior cajueiro do mundo será palco para receber atrações culturais, artes visuais, gastronomia, dança e artesanato para os visitantes. O evento abrirá as portas uma vez por mês, para que os artesãos e artistas de Pium, Cotovelo, Alcaçuz, Pirangi do Norte e do Sul e Búzios exponham seus trabalhos sob a copa da árvore. Diversas mesas estarão distribuídas em diferentes pontos do cajueiro, cuja proposta é fazer com que todos possam usufruir desse espaço durante todo o dia.

“Além de fortalecermos o vínculo cajueiro-comunidade, o projeto dará visibilidade e oportunidade aos artistas locais ainda desconhecidos. Recebemos muitos turistas de todo o mundo diariamente que poderão apreciar nossa cultura, além de ser uma forma de todos se sentirem parte da família cajueiro”, afirmou a gestora do Cajueiro de Pirangi, Yanne Luna.

Os interessados em expor seus trabalhos devem se dirigir à administração do Cajueiro para efetuar cadastro e obter mais informações.

A primeira edição acontecerá na próxima sexta-feira, 9, das 7h30 às 17h30.