Cadastro
Funcarte abre seleção para apoiar espaços culturais independentes de Natal
Cada um dos três projetos selecionados vai receber R$ 15 mil, para manter as atividades dos espaços culturais durante os meses de agosto e outubro
Assessoria de Imprensa / Duas Estúdio
Serão escolhidos, de acordo com a publicação, três projetos – que receberão apoio financeiro

A Prefeitura de Natal publicou nesta quinta-feira, 12, um edital para selecionar projetos de atividades artístico-culturais de espaços culturais independentes da capital potiguar. Serão escolhidos, de acordo com a publicação, três projetos – que receberão apoio financeiro para a manutenção das atividades por três meses.

A seleção será regida pela Fundação Cultural Capitania das Artes (Funcarte). Segundo o edital, a programação artística dos projetos deve ser voltada prioritariamente para as áreas de teatro, dança, circo, cultura popular, performance, música, audiovisual, literatura, artes visuais e artes plásticas.

Serão financiadas atividades que deem ênfase ao “intercâmbio cultural”, isto é, ações que contemplem uma variedade considerável de grupos artísticos e independentes da cidade, “fomentando a multiplicidade das obras e das trocas de saberes”.

O edital frisa que o apoio se destina à manutenção de espaços culturais com, no mínimo, dois anos de existência comprovada. Os recursos disponibilizados pelo Município deverão ser usados exclusivamente para manter atividades da programação artística do lugar. Portanto, apenas pessoas jurídicas de direito privado podem concorrer.

Cada um dos três projetos selecionados vai receber R$ 15 mil, para manter as atividades dos espaços culturais durante os meses de agosto e outubro. As inscrições para o edital, que são gratuitas, foram abertas nesta quinta-feira e podem ser realizadas até o dia 20 de julho.

O cadastro deverá ser feito pessoalmente na sede da Funcarte (Avenida Câmara Cascudo, 434, Cidade Alta), das 9h às 12h. Os candidatos deverão fornecer várias documentações (a lista completa está no Diário Oficial do Município).

De acordo com a Funcarte, haverá seis critérios de seleção: excelência artística do projeto, relevância da trajetória artística do proponente e dos participantes, clareza e viabilidade, relevância da ação proposta e acessibilidade do espaço cultural para pessoas com deficiência.