Resposta
“Surpreso” com bloqueio de bens, Nelter diz que não recebeu “um centavo”
MPRN aponta que parlamentar teria desviado recursos da Assembleia por meio do 'cheque salário' e transferências bancárias destinados a servidores fantasmas
Nelter Queiroz (José Aldenir)
José Aldenir / Agora RN
Deputado estadual Nelter Queiroz (MDB) diz que é inocente das acusações do MPRN

O deputado estadual Nelter Queiroz (MDB) se disse “surpreso” com as acusações do Ministério Público do Rio Grande do Norte por supostos atos de improbidade administrativa juntamente a uma servidora da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, que resultaram no congelamento de seus bens até o valor de R$ 1.018.825,71.

Na ação, o MPRN aponta que a dupla desviou recursos dos cofres da Assembleia por meio do “cheque salário” e transferências bancárias destinados a servidores inseridos fraudulentamente na folha de pagamento. Em nota, o parlamentar afirmou que jamais foi “beneficiário de um único centavo”. Saiba mais.

Confira na íntegra a nota de Nelter Queiroz:

A respeito da notícia sobre a reforma da decisão da Justiça potiguar referente ao processo movido pelo Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN), e por dever de compromisso com o povo de nosso Estado, esclareço que:
1) Recebi com surpresa a notícia hoje, pela mídia, já que o Juiz, na 1ª instância, havia negado o pedido em liminar do MPRN – o que deixou claro que a acusação contra mim é absurda –, e por que tenho consciência de que não fiz nada que justificasse isso;
2) Não fui beneficiário de um único centavo, sequer, de maneira ilícita, e também não fui partícipe de qualquer ilegalidade, como supõe a acusação;
3) Não tenho qualquer responsabilidade em relação aos fatos objeto da ação judicial e isso será provado em juízo novamente, pois cumpro com minhas atribuições parlamentares rigorosamente.
Aos amigos e às amigas da luta diária e incansável pelo bem do nosso Estado, reafirmo a tranquilidade de quem confia na justiça, ciente de que este mal entendido (que me associarem à investigação em curso) será reparado brevemente.