Publicidade
Dados
RN registra 693 denúncias de violência contra a mulher pelo “Ligue 180” neste ano
Estado potiguar é o sexto que mais recebe denúncias
José Cruz/Agência Brasil

O Rio Grande do Norte registra 693 denúncias de violência contra a mulher através do número “Ligue 180”, Central de Atendimento à Mulher em Situação de Violência, no período de janeiro a junho deste ano. As informações são do Sistema Integrado de Atendimento à Mulher (SIAM) e do Sistema de Ouvidoria Nacional de Direitos Humanos (SONDHA) e foram obtidos pelo site jornalístico Fiquem Sabendo, por meio da Lei de Acesso à Informação.

De acordo com as informações, o Rio Grande do Norte é o terceiro no Nordeste em número de denúncias por grupo de 100 mil habitantes. A taxa registrada é de 19,9 casos, apenas atrás de Alagoas (30,28) e da Bahia (21,20).

Em números absolutos, os casos de violência denunciados pelas potiguares está em sexto lugar. A Bahia, com 3141 casos, lidera os números de violência denunciados.

Em todo o país, a ocorrência com maior número de denúncias no Ligue 180 foi “violência doméstica e familiar”. Em todo o ano de 2018, foram 62.485 casos, o equivalente a 67% de todos os registros de violência. Em 2019, foram 35.769, quase 8 mil relatos a mais que o mesmo período em 2018.

No primeiro semestre de 2018, a segunda ocorrência mais registrada foi “ameaça”, com 5.566 denúncias. Já no primeiro semestre de 2019, esse tipo de ocorrência cai para o quarto lugar no ranking de ocorrências mais denunciadas. Este ano, “tentativa de feminicídio” passou a ocupar a segunda posição, com 2.688 denúncias.

Publicidade
Publicidade