Chuvas
Chuvas causam pontos de alagamentos em vias públicas de Natal
Fortes chuvas atingem todas as regiões de Natal desta a noite da última terça-feira, 13, e previsão é de que o tempo permaneça instável até a sexta-feira
José Aldenir / Agora Imagens
No Loteamento Jardim Progresso moradores tiveram dificuldades ao enfrentar alagamentos

As fortes chuvas que atingiram o Rio Grande do Norte desde a madrugada desta terça-feira, 13, causaram estragos e alagamentos em vários pontos de Natal. Segundo informações da Secretaria Municipal de Defesa Civil (Semdes), já foram registrados pontos de alagamentos e duas crateras foram abertas em ruas da zona Norte da capital.

De acordo com João Mendes, titular da pasta municipal, os bairros da Zona Norte registram maior número de ocorrências relacionadas às chuvas que caem sobre Natal nas últimas 72 horas. O bairro com maior registro de chuvas foi Nossa Senhora da Apresentação, com um total de 80 milímetros.

“Estamos com equipes na rua atendendo as ocorrências registradas. Já registramos pontos de alagamentos, abertura de crateras por rompimento de tubulações”, aponta João Mendes. Ele aponta, ainda, que a população pode comunicar problemas relacionados às chuvas através do telefone 190.

A Semdes registrou uma cratera aberta na Travessa Doutor Vulpiano Cavalcante, no bairro de Igapó. Outro caso aconteceu na Rua Comandante Balduíno, em Nossa Senhora da Apresentação.

“Não foi possível fazer a drenagem [na Rua Comandante Balduíno]. As bocas estão obstruídas com areia”, detalha. Uma equipe da Secretaria Municipal de Obras (Sumov) foi chamada para desobstruir a canalização.

Além dos pontos de alagamento, outra preocupação da defesa civil é o de possíveis transbordamentos nas lagoas de captação de Natal.  Ao todo a cidade conta com 63 reservatórios para a águas pluviais. “Ainda não há informações sobre transbordamento”, informa João Mendes.

Segundo o Climatempo, instituição voltada para os estudos do clima, a perspectiva é de mais chuvas para os próximos dois dias. A razão é a zona de convergência intertropical que trouxe nuvens carregadas para a área que se entende entre os estado do Rio Grande do Norte, Paraíba e Pernambuco.

Alguns dos nossos leitores enviaram imagens e vídeos que registraram as fortes chuvas em todo o estado.

Avenida Itapetinga, Zona Norte de Natal; Foto: Cedida

Rua Comandante Bauduino, Jardim Progresso, Zona Norte de Natal; Foto: Cedida/ Rosana

Rua do cemitério público de Parnamirim; Foto: Cedida

Rua Dom Manoel, Conjunto Vila Real, Extremoz; Foto: Cedida/ Adriel

Município de Pilões; Foto: Cedida