Koenigsegg Agera RS bate recorde na prova 0-400-0 e supera o Bugatti

Há menos de um mês, o Bugatti Chiron, sucessor do Veyron, anunciou que era o novo recordista na prova de aceleração de zero a 400 km/h, seguido de frenagem completa, ao completá-la em 41,9 segundos. Mas o título não ficou na mão dele por muito tempo. O sueco Koenigsegg Agera RS acaba de superá-lo ao reduzir o tempo da prova para 36,44 segundos – uma diferença de 5 segundos.

Para chegar aos 400 km/h, o esportivo sueco levou 26,8 segundos e 1.958 quilômetro. Sem dúvidas, acelerar não foi um problema para o Agera RS. Mas e frear? Também não. Os parrudos freios também aguentaram o tranco. O carro precisou de 483 metros para parar, ação que levou 9,56 segundos.

A prova aconteceu no dia 1º de outubro em um campo de pouso Vandel, na Dinamarca. Quem estava ao volante desse superesportivo de 1.360 cv e absurdos 139,8 kgfm de torque era o piloto de testes da marca Niklas Lilja. Para alcançar todo esse desempenho, o motor 5.0 V8 twin turbo recebeu um algumas melhorias para a prova.

Para garantir a segurança do piloto, o carro recebeu uma gaiola de proteção, um opcional que pode ser removido depois.  A peça adiciona peso extra, mas é indicada para situações extremas.

Depois de uma boa revisão, a unidade do Agera que executou essa maratona seguirá para a garagem de seu dono nos Estados Unidos. Foi ele, por sinal, quem queria saber qual era o desempenho máximo de sua nova aquisição. Ele não ficou desapontado. Ah, só existem 25 unidades do Agera RS. Cada uma é estimada em até R$ 8 milhões.

 

 

Fonte: Autoesporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *